Uma hora extra de sono aumenta os níveis de testosterona em 12%

O declínio dos níveis de testosterona ao longo dos anos, deve-se em grande parte ao facto de os homens idosos terem um sono de menor qualidade que os homens jovens.

Endocrinologistas da Universidade Nacional de Singapura chegaram a esta conclusão após estudarem 531 homens chineses com idades entre os 29 e 72. Os investigadores mediram a quantidade de testosterona existente no sangue dos indivíduos de manhã, e fizeram perguntas acerca da sua vida sexual e qualidade de sono.

Dormir é saudável. Durma mais uma hora e a sua percentagem de massa adiposa baixa 3%. Dormir mais melhora a sua memória. É sabido que os homens dormem menos á medida que vão envelhecendo e que, quanto menor for a qualidade do sono, menos testosterona produzem. Mas até que ponto os homens produzem menos testosterona por estarem a dormir pior?

Os homens produzem menos testosterona á medida que vão envelhecendo simplesmente porque a sua saúde se vai deteriorando. Quanto mais elevado forem os seus níveis de açúcar no sangue, colesterol, triglicerídeos e ácido úrico, mais baixos serão os seus níveis de testosterona.

Por este motivo, os investigadores seleccionaram um grupo de homens saudáveis, “Sem doenças conhecidas ou historial de doenças sérias comuns como cancro, hipertensão, disfunção da tiróide, diabetes, fracturas de osteoporose e problemas cardíacos bem como problemas de sono”.

O facto de os indivíduos testados serem saudáveis é reflectido na tabela abaixo. A redução dos níveis de testosterona total (TotalT) e na testosterona bio-disponível (BioT) com o avançar da idade é modesta. A testosterona bio-disponivel é testosterona que não está ligada á proteína SHBG. A testosterona que se liga á SHBG, perde as suas propriedades anabólicas e pró-sexuais.

Após os quarenta, a concentração de DHEA declina de forma drástica, enquanto que a concentração de estradiol aumenta. A concentração de DHEA está correlacionada com o sexo: Quanto mais elevado for o nível de DHEA, mais vezes os homens têm relações sexuais. Quando se olha para os dados acerca da actividade sexual, deve-se ter em conta que os homens da Singapura, obtêm sempre uma pontuação baixa nos questionários sobre sexo. Deve ser algo cultural.

E sim, houve uma relação entre a testosterona e o sono.

Os homens que dormiram menos de 4 horas durante um período de 24 horas, tinham cerca de menos 60% de TotalT e 55% menos de BioT do que os homens que dormiram mais de 8 horas. Extrapolando isto, chega-se á seguinte estimativa: uma hora extra de sono aumenta os seus níveis de testosterona em 12-15%.

Os endocrinologistas concluiram:

A significante associação do sono com a concentração de androgénios, sugere que o sono pode ser um factor contributivo na etiologia de homens com baixas concentrações de testosterona. Portanto, no acompanhamento de homens com concentrações baixas de testosterona, uma avaliação da sua qualidade de sono, pode ajudar a entender a etiologia do seu estado de hipogonadismo.

Referência!

Prática de musculação baseada em evidência científica. Siga-nos através das redes sociais.

Deixe um comentário

Siga-nos por Email
RSS
Instagram