Porque deve dizer "Não" mais vezes

Porque deve dizer “Não” mais vezes

A minha opinião acerca deste tema é a de que quando queremos realmente fazer alguma coisa, arranjamos o tempo que for necessário para isso, e neste artigo irei tentar ajudá-lo a arranjar tempo para as coisas que realmente interessam e a melhor a sua qualidade de vida de uma forma geral.

O primeiro passo será começar a dizer “não” mais vezes.

É muito difícil dizer “não”. Porquê?

Faz-nos sentir egoístas, culpados, por vezes até embaraçados. Não queremos irritar as pessoas. Não queremos que elas pensem mal de nós. Por vezes é simplesmente mais fácil dizer “sim”, do que ter que lidar com a nossa angústia ou a reação das outras pessoas. Mas o que é que esse comportamento nos está a custar?

Quando damos um “sim” quando deveríamos ter dado um “não”, damos também um pedaço de nós. Nós abandonamos o nosso poder, o nosso autocontrolo e desrespeitamos as nossas necessidades tornando-as menos importantes do que as necessidades dos outros.

Nós desrespeitamos as nossas necessidades ou desejos fazendo escolhas que não nos apoiam. E justificamos isso com; é só desta vez, é por uma boa causa, não vai demorar muito tempo, não tem muita importância. Mas tem muita importância sim. De cada vez que fizer isso, estará a escolher ignorar o que o seu coração, mente ou instinto lhe estão a dizer.

Os benefícios de dizer “Não”

O fator stress: Dizer “sim” quando na verdade queria dizer “não” é uma grande fonte de stress para a sua mente e corpo. Provoca ansiedade, tensão, dores e sofrimentos, muitas vezes também provoca insónias e/ou dificuldades em dormir. Está claro que esta não é a única causa de stress, mas pode estar entre as mais fáceis de controlar.

Livre-se de pessoas tóxicas: De qualquer forma você não quer estas pessoas na sua vida, pois não? Essas pessoas são as aproveitadoras, os que pedem coisas e dinheiro emprestado, os que passam a vida a queixar-se de tudo e mais alguma coisa, os que passam o tempo todo a falar da vida dos outros, os que fogem das responsabilidades.

Eles são mestres manipuladores que usam a culpa e a manipulação para o pressionar a dar um “sim”. Se em vez disso der de forma consistente um “não” firme, essas pessoas acabarão eventualmente por afastarem-se e irão procurar outro alvo mais fraco.

Poupe tempo: Só temos um número limitado de horas por dia. Não podemos fazer nada em relação a isso, mas podemos controlar a forma como usamos esse tempo. Não deixe que outros determinem a sua lista de coisas a fazer ou que programem a sua agenda. Está a dar o seu precioso tempo!

É importante que use o seu tempo de uma forma que honre as suas prioridades, o ajude a atingir os seus objetivos e servir as suas necessidades. Você é que decide o que é que merece o seu tempo e o que não.

Mais energia: Envolver-se em coisas que não quer ou para as quais não tem tempo, desperdiça energia valiosa que você poderia gastar naquelas coisas que realmente lhe interessam.

Utilize essa energia para fazer um trabalho melhor nas atividades que realmente tem ou escolhe fazer. Mais energia, irá ajudá-lo a sentir-se melhor, ser mais feliz e a aumentar a sua produtividade.

Aumento da concentração: Diga “sim” às pessoas e coisas que são relevantes para os seus objetivos. Diga “não” àquelas coisas que o afastam dos seus objetivos e o fazem perder a concentração.

Foque-se nas coisas que o ajudam a aprender e a crescer tanto em termos pessoais como profissionais, coisas que despertem o seu interesse ou que de alguma forma o atraiam. Sempre que for possível, diga “não” a tudo o resto.

Ganhe força: Sempre que disser “não” aos outros, estará a dizer “sim” a si mesmo. Estará a voltar a ganhar o controlo da sua vida ao não permitir que os outros tomem decisões por si. Você ganha confiança quando se mantem firme e honra os seus limites.

De forma surpreendente, também ganha respeito. Quando está seguro e firme acerca  do que irá ou não fazer, na verdade as pessoas passam a respeitá-lo mais. Podem ficar chateadas consigo, mas irão respeitá-lo.

Goze mais a vida: A vida torna-se muito mais divertida quando começa a dizer “não” ás coisas que o esgotam. O mesmo é verdade em relação à sua vida profissional. Se fizer um esforço para tentar limitar o seu tempo e esforço para trabalhar em atividades de que gosta ou pelas quais na verdade é responsável, irá verificar que o trabalho se torna muito mais divertido.

Irá torna-se mais fácil dizer “não” à medida que aumentar a frequência com que o diz. Provavelmente irá ser desconfortável durante algum tempo. Nós contorcemo-nos com o mero pensamento de desapontar os outros, mesmo quando nos estamos a deixar ir abaixo a nós mesmos ao longo do processo.

As suas necessidades, o seu tempo, os seus objetivos, e o que for importante na sua vida, é que têm que ser os seus guias para a tomada de decisões. Só é necessário algum tempo para habituar-se a dizer “Não”.

Repita depois de mim: “Não!”.

Você consegue!

Avatar

Siga-nos através das redes sociais.