Os benefícios do extracto de urtiga

A Urtiga, também conhecida como “Urtica dioica”, é uma planta perene que é nativa da Ásia, Europa, América do Norte e parte do norte da África. Os suplementos de urtiga geralmente com contêm extractos do ingrediente activo principal, a 3,4 divanillyltetrahydrofuran, que é responsável pela maior parte dos benefícios da urtiga. Estão disponíveis extractos de urtiga com uma concentração de até 95%. A 3,4 divanillyltetrahydrofuran, está incluída nas fórmulas e combinações de muitos suplementos desportivos potenciadores da testosterona.

Os extractos de urtiga são capazes de aumentar níveis de testosterona livre. A testosterona livre, ao contrário da testosterona ligada a proteínas de transporte, como a SHBG, é a testosterona ativa utilizável. Esta é a que oferece os benefícios tipicamente associados a níveis elevados de testosterona, tais como aumento de força e massa muscular.

Quando a testosterona se liga à proteína globulina de hormonas sexuais (SHBG), ele passa de livre a ligada, e torna-se inútil. O extracto de urtiga eleva os níveis de testosterona, ligando-se à proteína globulina de hormonas sexuais (SHBG) em vez da testosterona. E dessa forma existirá uma maior percentagem de testosterona em livre no organismo. [1, 3]

Os extractos de urtiga também podem prevenir o aumento da próstata [1, 2, 3], bem como ajudá-lo a manter o seu cabelo! O crescimento da próstata e a calvície são estimulados pela dihidrotestosterona (DHT), um metabólito natural da testosterona. Os extractos de urtiga podem ajudar a evitar o aumento da próstata e a queda de cabelo, inibindo o DHT de se ligar à membrana da próstata, e também pela inibição de certas enzimas que fazem a conversão da testosterona para DHT. [1]

A dose normal de extracto de urtiga para aumentar níveis de testosterona livre é de 400-1200mg/dia de um extracto a 95%. Os extractos de urtiga estão incluídos em muitas fórmulas de suplementos potenciadores de testosterona a esta dosagem eficiente e ao mesmo tempo segura.

Referência 1 / Referência 2 / Referência 3

Prática de musculação baseada em evidência científica. Siga-nos através das redes sociais.

Deixe um comentário