O viagra ajuda a ganhar massa muscular?

O Viagra (sildenafil) é um dos fármacos mais conhecidos em todo o mundo e é uma de três drogas aprovadas pela FDA para promover a ereção, chamadas inibidores PDE-5, que também incluem o tadalafil (Cialis) e vardenafil (Levitra).

Estes 3 fármacos funcionam inibindo a enzima PDE-5, que mais tarde aumenta a concentração de um químico chamado óxido nítrico. O óxido nítrico promove o aumento da circulação  sanguínea para o pénis e outros tecidos corporais.

Os vasos sanguíneos, o músculo liso, o músculo esquelético, as plaquetas do sangue e o tecido dos pulmões contêm esta enzima e outras similares.

Para além de promover ereções, os inibidores da enzima PDE-5 também diminuem a tensão arterial sistêmica, pressão sanguínea nos pulmões, resistência nos pulmões e promovem a circulação sanguínea no coração. O seu uso a longo prazo melhora a função endotelial, que é crítica para o controlo do fluxo sanguíneo.

O uso a longo prazo do Viagra também pode beneficiar a capacidade metabólica através da melhoria do controlo do açúcar sanguíneo e do aumento dos níveis de testosterona.

Cientistas da Vanderbilt University School of Medicine descobriram que o viagra ajudou a restaurar o equilíbrio energético e melhorou o metabolismo da insulina em ratos alimentados com dietas ricas em gordura (em comparação com um placebo).

Os animais mostraram níveis de açúcar no sangue e de insulina mais reduzidos, bem como uma melhoria da regulação do açúcar no sangue após uma refeição rica em carboidratos.

Eles também perderam peso corporal e massa adiposa durante o estudo de 12 semanas. Em seres humanos, o uso a longo prazo do viagra aumentou a produção de óxido nítrico, um químico que controla as produção de vasos sanguíneos e que está estreitamente relacionado com o metabolismo da insulina.

O Viagra também aumenta os níveis de testosterona, que é uma hormona crítica para aumentar a massa muscular, força e agressividade – aspetos muito importantes para os atletas.

A testosterona está associada à atração sexual e desempenho físico. Os homens de meia idade que se suplementam com testosterona aumentam o seu desejo sexual, capacidade de manter ereções, auto-confiança e agressividade.

Investigadores italianos verificaram que os níveis de testosterona total e livre aumentaram em 50% nos homens tratados para a disfunção eréctil com Cialis ou Viagra. Não é claro que essas drogas aumentam os níveis de testosterona de forma direta ou se a aumentam de forma indireta através do aumento da atividade sexual.

A frequência das relações sexuais foi maior nos homens que tomaram Cialis (um inibidor de PDE-5 com um período de atuação mais longo), que o torna o fármaco preferido para os homens que têm relações estáveis. Os homens que tiveram mais sexo foram também os que tiveram níveis de testosterona mais elevados.

ViagraO uso a longo prazo do viagra também pode aumentar a força, potência e a massa muscular ao ativar caminhos bioquímicos que aumentam a síntese de proteína e previnem a degradação de proteína nas células musculares.

O viagra aumenta a quantidade de óxido nítrico libertado nos vasos sanguíneos.

Por sua vez, o óxido nítrico pode ativar a síntese de proteína nos músculos, particularmente quando as fibras musculares se encontram sob tensão ou a ser estiradas.

O óxido nítrico também estimula a síntese de células satélite que adicionam massa às fibras musculares.

Até à data, nenhum estudo mostrou que o Viagra e outros fármacos similares têm efeitos similares aos esteróides em atletas, mas podemos inferir a partir de estudos bioquímicos, que podem ter efeitos positivos na massa muscular.

Conclusão

Até à data, nenhum estudo comprovou que o viagra e drogas similares melhoram a capacidade física em condições normais.

No entanto, o uso a longo prazo deste fármaco poderá promover a síntese de proteína muscular e melhorar o funcionamento metabólico o suficiente para ter um pequeno efeito na quantidade de massa magra ou nível de força.

É necessário realizar mais estudos antes de podermos comprovar de forma adequada os efeitos desses fármacos na capacidade física e desempenho atlético.

Note que o viagra e fármacos similares também têm efeitos secundários, por isso não os use sem o consentimento do seu médico.

  1. Ayala, J. E., et al. Chronic treatment with sildenafil improves energy balance and insulin action in high fat-fed conscious mice. Diabetes, 56: 1025-1033, 2007.
  2. Betters, J. L., J. H. Long, K. S. Howe, R. W. Braith, Q. A. Soltow, V. A. Lira, and D. S. Criswell. Nitric oxide reverses prednisolone-induced inactivation of muscle satellite cells. Muscle Nerve, 37: 203-209, 2008.
  3. Lewis, G. D. et al. Sildenafil improves exercise capacity and quality of life in patients with systolic heart failure and secondary pulmonary hypertension. Circulation, 116:1555-1562, 2007.
  4. Tatsumi, R., et al. Satellite cell activation in stretched skeletal muscle and the role of nitric oxide and hepatocyte growth factor. Am J Physiol Cell Physiol, 290:C1487-1494, 2006.
  5. Wozniak, A. C. and J. E. Anderson. Nitric oxide-dependence of satellite stem cell activation and quiescence on normal skeletal muscle fibers. Dev Dyn, 236:240-250, 2007.
  6. Wozniak, A. C. and J. E. Anderson. The dynamics of the nitric oxide release-transient from stretched muscle cells.Int J Biochem Cell Biol, 41:625-631, 2009.

Prática de musculação baseada em evidência científica. Siga-nos através das redes sociais.

Deixe um comentário

Siga-nos por Email
RSS
Instagram