O sono extra melhora a performance dos atletas

Os atletas que dormem um período de tempo extra, têm mais probabilidades de melhorar a sua performance num jogo, isto de acordo com pesquisas recentes.

O estudo realizado por Chari Mah da Universidade de Stanford, foi conduzido em 6 voluntários saudáveis da equipa masculina de basquetebol de Stanford, que mantiveram o seu padrão habitual de sono-vigília durante um período de duas semanas, seguido de um período em que dormiam o mais possível.

Para observar as possíveis melhorias na performance atlética, os estudantes foram avaliados no tempo de sprint e percentagem de número de bolas encestadas.

Foram observadas melhorias significativas na performance atlética, incluindo um tempo de sprint mais rápido e um aumento de lançamentos ao cesto. Os atletas também demonstraram um aumento de energia e uma maior sensação de bem-estar, bem como uma diminuição do nível de fadiga.

Os investigadores afirmaram que: “embora tenham sido realizada muita pesquisa acerca dos efeitos prejudiciais da privação de sono na função cognitiva, humor e performance, foi realizada pouca pesquisa acerca do efeito do sono extra durante múltiplas noites, nessas variáveis, e menos ainda á relação específica entre o sono extra e a performance atlética.

O estudo focou-se nesta ultima relação e mostrou que o sono extra esta associado em melhorias nos indicadores da performance atlética e disposição psicológica entre os membros da equipa de basquetebol.

A quantidade de sono que uma pessoa obtém, afecta a sua saúde física, disposição psicológica, capacidades mentais, produtividade e performance. Estudos recentes, associam a falta de sono com sérios problemas de saúde como um aumento de risco de desenvolvimento de depressão, obesidade, doenças cardiovasculares e diabetes.

Referência!

Prática de musculação baseada em evidência científica. Siga-nos através das redes sociais.