O GAKIC não funciona

De acordo com a empresa que comercializa o produto, o suplemento de pré-treino GAKIC “É a maior revolução de sempre da musculação”. E ainda “O GAKIC não pode comparado com mais nada; nem com a creatina nem com um estimulante”.

O marketing publicitário é bom, mas o estudo publicado pelos cientistas de desporto Andreas Kavazis da Universidade do Estado do Mississipi em Archives of Exercise in Health and Disease pinta uma imagem muito diferente. De acordo com este estudo, o GAKIC não têm nenhum efeito.

O GAKIC é uma mistura de dois aminoácidos – arginina e glicina – e o metabólito da leucina alpha-keto-isocaproic acid [KIC], os investigadores da Muscletech introduziram uma patente para a mistura após a realização de estudos que mostraram que após a toma de uma dose de GAKIC os atletas fatigaram-se com menos facilidade e foram capazes de realizar esforço físico de alta intensidade durante mais tempo ao longo das suas sessões de treino.

Embora na publicidade os produtores do GAKIC se foquem sobretudo nos culturistas e nos fanáticos do fitness, e apesar desses dois grupos serem os mais interessados em suplementos que aumentem a força máxima, nunca tinha sido realizado nenhum estudo sofre o efeito do GAKIC na força máxima. Por isso Kavazis assegurou-se de conduzir ele mesmo esse estudo.

Kavazis administrou a 11 atletas de musculação com a idade média de 24, uma dose de 10,2 g de GAKIC numa ocasião, e um placebo noutra. Quarenta minutos mais tarde, ele mediu a quantidade de peso que eles conseguiam levantar [1RM] no exercício supino [Upper Body = Parte inferior do corpo] ou na prensa de pernas [Lower Body = Parte inferior do corpo] e o número de repetições que eles conseguiam realizar em ambos os exercícios usando 60% do seu peso máximo [TLV].

O GAKIC não funciona-1

O GAKIC não funciona

As figuras abaixo mostram que o GAKIC aumentou a força máxima na prensa de pernas por uma quantidade mínima. Mas olhar para uma chávena de café fraco iria provavelmente ter o mesmo efeito que o GAKIC tem.

Os inventores do GAKIC suspeitam que o GAKIC – por outras palavras alpha-keto-isocaproic acid – é uma fonte de energia extra para os músculos. Existem estudos realizados com alpha-keto-isocaproic acid que realmente mostraram esses efeitos, embora apenas com doses muito altas.

Kavazis testou a teoria e mediu a concentração de ácido lático no sangue dos seus voluntários de teste após os testes. E não encontrou nenhum efeito. Aparentemente, até mesmo 10 gramas de GAKIC não são o suficiente para produzir resultados.

Referência!

Prática de musculação baseada em evidência científica. Siga-nos através das redes sociais.