Os exercícios de abdominais proporcionam perda de gordura no abdómen?

Por todo o mundo ainda existem milhares de pessoas que continuam a realizar exercícios de abdominais até ficarem com a cara azul, com a esperança de conseguirem perder gordura no abdómen e desta forma obterem uma barriga mais lisa, elegante e definida.

Mas pergunte a qualquer bom treinador de musculação e este irá dizer-lhe que isso é impossível, e um estudo que foi publicado no Journal of Strength and Conditioning Research vem comprovar que eles têm razão.

Os instrutores de musculação e personal trainers afirmam que não é possível perder gordura em locais específicos através do treino.

Portanto não é possível perder gordura de forma localizada, só é possível perder gordura de uma forma geral, um pouco de todo o corpo, e só é possível conseguir isso gastando mais energia do que a quantidade que se ingere através da alimentação.

O seu corpo vai perdendo gordura de vários locais, e também de forma preferêncial de pontos específicos, dependendo também do sexo, genética, etc, e mais cedo ou mais tarde a gordura irá começar a desaparecer dos locais onde deseja perder gordura.

Já foram realizados vários estudos em que os investigadores colocaram os voluntários a realizar sit-ups e crunches, e nos quais mediram a quantidade de gordura subcutânea que desapareceu da sua cintura – sem resultados.

Um grupo de cientistas americanos de desposto repetiram esses estudos, colocando 14 indivíduos sedentários com cerca de 20 anos e com um peso corporal estável a treinar os seus músculos abdominais durante seis semanas consecutivas.

Os voluntários tiveram que realizar um treino para a sua sessão média cinco vezes por semana. O treino consistiu em sete exercícios, com duas séries de dez repetições para cada série. Um grupo de controlo de dez pessoas também nos seus 20 anos não realizou nenhum tipo de treino durante essas seis semanas.

A tabela abaixo mostra que o treino de abdominais não resultou em quaisquer mudanças significativas no peso corporal, massa gorda total ou massa corporal androide. A gordura androide é o tipo de gordura que se localiza no torso ao redor do abdómen, peito, deltoides, pescoço e costas.

Grupo de controlo

PréPós
Peso corporal (kg) 70.4 70.8
Índice de Massa Corporal 24.5 24.6
% de Gordura Corporal 35.6 35.3
% de Gordura Andróide 43.1 46.8

Grupo do exercício

 PréPós
Peso corporal (kg) 68.9 69.4
Índice de Massa Corporal 24.7 24.8
% de Gordura Corporal Total 35.9 34.8
% de Gordura Andróide 43.5 42.3

Os investigadores concluíram:

O exercício abdominal foi eficiente para aumentar a força abdominal mas não foi eficiente para diminuir as várias medidas de gordura abdominal.

Alguns indivíduos tentam reduzir a sua cintura realizando apenas exercícios para os abdominais, possivelmente devido às afirmações feitas pela publicidade de vários equipamentos para treinar os abdominais.

A informação obtida a partir deste estudo poderá ajudar as pessoas a compreender que o exercício abdominal não é o suficiente para reduzir a gordura abdominal subcutânea ou a medida da cintura.

Como pode ver, a realização de exercícios de abdominais por si só não parece ser o suficiente para proporcionar uma redução substancial da gordura abdominal. O ditado de que os abdominais são feitos na cozinha e não no ginásio, acaba por ser uma grande verdade.

Portanto, se está mesmo decidido a perder o excesso de gordura que tem no abdómen, comece desde já a seguir uma dieta orientada para a perda de gordura/peso. No caso de não se sentir capaz de estruturar a sua própria dieta, consulte um nutricionista, que fará isso por si e o acompanhará ao longo do processo, até que consiga atingir os seus objetivos.

Referência!

Prática de musculação baseada em evidência científica. Siga-nos através das redes sociais.