Entrevista a Valdemar Santos

Entrevista a Valdemar SantosDesta vez entrevistamos Valdemar Santos que foi campeão nacional absoluto de Culturismo em 2012 e campeão nacional absoluto de iniciados de culturismo em 2011.

Pode-nos falar um pouco de si? Onde vive, que idade tem?

Sou de Torres Vedras mais propriamente da aldeia de Póvoa de Penafirme (a 1 km da Praia de Santa Cruz). Nasci a 18/10/1976 (36 anos) e tenho 1,88 cm de altura. O meu peso máximo em prova foi de 107 kg e em offseason peso entre os 125 e os 130 kg!

Dedico a maior parte do meu tempo ao culturismo e vivo quase sempre em função disso. Sou uma pessoa disciplinada e exigente comigo próprio. Se não fosse culturista decerto seria desportista numa outra área.

Há quem diga que eu tenho mau feitio e que sou problemático. Acho que sou é direto e sem papas na língua. Não suporto ficar calado perante injustiças e por vezes exprimo-me de uma forma brusca ou impulsiva mas sempre muito correto, coerente e consciente das atitudes que tomo.

Não sou dono da razão, mas não admito faltas de respeito ou que me pisem os calos. Sou sensível mas também muito frio talvez pelas vicissitudes e adversidades da vida. Sou amigo do meu amigo e lido muito mal com a mentira! Ser verdadeiro é a minha maior virtude!

Para mim o mais importante na vida é o amor familiar e a saúde. Nunca fumei (odeio tabaco e drogas) e não bebo álcool. Adoro e faço questão em promover a saúde e o bem-estar mental e físico de todas as pessoas que me rodeiam! Necessito de me sentir rodeado de energias positivas para me divertir.

Amo a profissão que tenho e isso reflete-se na admiração que os o meus atletas e amigos sentem por mim.
Adoro, a praia, o mar calmo, contar anedotas, rir e andar na “palhaçada” com os amigos.

Descreva-nos o seu percurso profissional até hoje

A minha profissão é de Monitor de Musculação e Culturismo e foi sempre nessa área que trabalhei desde os meus 18 anos de idade!

O que faz atualmente?

Neste momento trabalho no Ginásio Corpoúnico em Torres Vedras como Monitor de Culturismo e Personal Trainer.

Quando começou praticar musculação/desporto e porque começou?

Entrevista a Valdemar SantosOs meus desportos na adolescência foram o badminton e o futebol.
Aos 14 anos de idade sofri um acidente de viação (fui atropelado por um automóvel) que me causou uma luxação esterno-clavicular tendo sido operado.

Fui para um ginásio a fim de recuperar a mobilidade e os ganhos musculares mostraram-se tão evidentes a ponto de me criar um gosto enorme pelo culturismo.

O meu primeiro ginásio foi na Academia Dubonnet em Torres Vedras, onde era sediada a Federação Nacional de Cultura Física com a presidência do Dr. Aníbal Roque. Ainda tenho o meu antigo cartão de sócio Atleta, número: 515 /92.

Tem algum ídolo ou alguma pessoa que admira bastante?

O meu ídolo é a minha mãe Maria dos Anjos! Mulher trabalhadora e que foi o pilar da minha família, tendo carregado aos seus ombros, anos de luta contra o cancro que vitimou a minha irmã e o meu pai! Ela sim, merece todo o meu respeito e consideração!

Admiro imenso a minha namorada Vânia Araújo que esteve sempre presente do meu lado a apoiar e motivar-me nos maus momentos que eu passei, ajudando-me a superá-los! Sem ela não teria conseguido chegar aonde cheguei! Foi uma peça importantíssima do meu sucesso!

Nunca hei-de esquecer o apoio que me deu na minha primeira ida a palco que foi no Campeonato Nacional de Iniciados 2011. Ela sempre foi “contra” o meu estilo de vida ( culturismo) mas naquele dia ela gritava da plateia “ força meu querido filho, força!” Obrigado Mãe, o teu apoio foi o meu mais valioso troféu!

Quanto a ídolos do desporto, neste caso o culturismo… Arnold Schwarzenegger, Shawn Ray.

Atletas portugueses tenho como referência o Sr. Carlos Cesar Pimentel e a minha amiga Eulália que para mim foi a melhor atleta de sempre do Culturismo Nacional! Admiro-a imenso e ela sim é o meu ídolo do culturismo em Portugal!

Entrevista a Valdemar SantosLembro-me do atleta Sr. Joaquim Guerreiro numa competição na “Voz do Operário” em Lisboa (1993 salvo erro, desculpem-me se não for o ano correto, em que competiu com o atleta Sr. José Carlos) e sempre fui fã dele. Corpo muito estético e muita presença em palco.

No campeonato Nacional de Culturismo de 2012 em Castelo Branco tive o prazer de pisar o palco com uma referência do culturismo da minha adolescência, o atleta e agora amigo Joaquim Guerreiro! São momentos como este que muito valorizam as competições e é pena não haver mais amizade e camaradagem entre os atletas.

Pode-nos dar uma ideia de como é o seu programa semanal de treino?

Depende da fase de preparação em que me encontro.
O mais habitual é… (treino de 1 hora)

  • 2ª feira: Pernas (gémeos incluído), abdominais e lombares
  • 3ª feira: Peitoral, e um toque ligeiro no deltóide anterior, deltóide médio e nos tríceps
  • 4ª feira: Dorsal, e um toque ligeiro no deltóide posterior e nos bíceps
  • 5ª feira: Pernas (série gigante) e abdominais / ou descanso absoluto
  • 6ª feira: Ombros, gémeos e 30 min. de cardio (bicicleta)
  • Sábado: Biceps, tríceps e antebraço
  • Domingo: Descanso

Pode-nos dar uma ideia de como é um dia de treino para si, como um treino de peito por exemplo, que exercícios realiza?

Vou dar como exemplo o meu último treino…

Treino realizado com tempo de descanso mínimo (tempo para o parceiro de treino realizar a sua série)

  1. Supino plano com a barra sobre a zona superior do peito (uma das formas de desenvolver a parte superior do peito solicitando o menos possível o deltoide anterior, que no meu caso é muito desenvolvido em relação ao peito) 5 séries (20 reps, 15, 10, 10, 10).
  2. Supino pouco inclinado (+ ou – 30°) com halteres, 5 séries (15 reps, 12, 10, 10, 10).
  3. Aberturas declinadas com halteres, 4 séries (20 reps, 15, 15, 15).
  4. Crossover, 2 séries inclinação média do corpo (20 reps, 20).

Pode-nos dar uma ideia de como é a sua dieta no dia-a-dia?

3500 calorias divididas entre 7 refeições diárias.

Hidratos de carbono complexos (aveia, arroz integral, massa, batata doce). Proteínas (peixe, ovos e carne de frango e vaca). Gordura (azeite, óleo de côco e óleo de linhaça.

Qual é a fórmula para atingir um nível de massa muscular e de definição/forma como o que apresenta nas competições?

 

A fórmula mais importante é conhecermos as nossas necessidades alimentares e adequá-las ao momento da preparação! Exige muita disciplina!

A balança de cozinha é o nosso maior amigo! O mais importante no desenvolvimento muscular ou no período de definição é promover o anabolismo e evitar o catabolismo!

Essa é a fórmula para todos os atletas! Disciplina e conhecimento andam de mãos dadas! Uma necessita da outra, senão não funciona! Como o nível que apresento ainda é muito baixo, logo não são necessárias fórmulas mágicas ou muito elaboradas!

Tem alguma dica para aqueles que têm dificuldades em aguentar a dieta nas fases de pré-competição?

Façam “dieta” o ano inteiro! A dieta a que se refere é a restrição ou a inclusão de certos e determinados alimentos, em quantidades diferentes de outras fases fora do período de pré-competição. Eu gosto de “comer limpo” durante o ano inteiro. Se a pessoa começa a enjoar de alguns alimentos há que recorrer a especiarias e a diferentes formas de os cozinhar, para lhes alterar o sabor!

Se mesmo assim não resultar têm mais é que aguentar porque ninguém lhes disse que uma preparação de um atleta de culturismo seria pêra doce! Nenhuma outra modalidade é tão exigente! A dica que vos transmito é: “Atitute, coragem e força de vencer!”

Sintam-se únicos, especiais! Superem-se! Cumpram as dietas. Sejam rigorosos e disciplinados convosco próprios! A sensação de dever cumprido valerá todo o esforço despendido. Se não alcançarem o pódio de uma competição não desanimem! São na mesma uns heróis!

 Toma suplementos? Quais?

Tomo vários, mas destaco os mais importantes que são: Complexo vitamínico e mineral, BCAAs, glutamina, proteína whey e caseína!

Descreva-nos como correu a sua última competição. Conseguiu atingir os seus objetivos?

O objetivo não foi cumprido mas serviu-me de lição! Aprende-se com os erros! A minha última competição foi o meu pior momento competitivo!

Fiz um 5ª lugar na Taça de Portugal 2012 que para mim é como se tivesse sido um último! O meu principal objetivo para cada prova a que me proponho competir é sempre superar a minha anterior e melhor forma física. Quando isso não acontece para mim já é uma derrota pessoal, e se ficar em primeiro ou último lugar é-me igual!

O objetivo é sempre evoluir! Ganhar troféus de primeiro lugar não é sinónimo de evolução, é sim, se nos virmos física e mentalmente melhorados de prova para prova! Podemos até vencer mas se estivermos pior que numa anterior competição de que adianta? Deixemos isso para o final de carreira! Agora é tempo de evoluir!

Nas derrotas aprendemos muito! Logo, de uma má participação como a que tive, tiro muitas ilações que me ajudarão a melhorar como atleta e também como pessoa.Entrevista a Valdemar Santos

Como se sentiu quando venceu a sua primeira competição?

A primeira competição que venci foi a primeira em que competi, logo tem um sabor especial! Campeonato Nacional de Iniciados 2011, campeão absoluto e no dia a seguir vice-campeão da Taça de Portugal! Se foi bom? Foi excelente!

Entrevista a Valdemar SantosEstava muito nervoso! Fui pintado pelo meu delegado que para ele também foi uma estreia! Fui o último atleta a ser chamado e estive no backstage duas horas! A ansiedade estava a consumir-me! Via na plateia a minha mãe, a minha namorada, os meus apoiantes e os nervos aumentavam! Depois vem a tão desejada chamada!

Foi uma sensação estranha e estava completamente aterrorizado mas tentava disfarçar com uma atitude segura e confiante. Assim que começaram as poses esqueci-me tudo e não via nem ouvia ninguém, só visualizava os meus músculos na minha mente de forma a potenciar as poses e mostrar o meu melhor! Tudo era novidade para mim, desde o cansaço inesperado de toda a adrenalina das poses até aos olhares dos juízes e do público deixavam-me apreensivo.

Nos momentos de pausa ia-me apercebendo de toda a envolvência inerente a uma competição deste género e pensava no quanto gratificante é um momento destes! E na altura de anunciar a classificação, só temos em mente o nosso número de dorsal! Que sensação!!! Depois é uma enorme emoção de alegria, de orgulho próprio e de dever cumprido ao ser anunciado campeão!
Ouvir os gritos de apoio da mãe e dos amigos é divinal! Nesse momento a felicidade toma conta de nós!

Pensa participar em mais competições no futuro? Alguma para breve?

Pensar, penso sempre! O pior é angariar patrocínios que me assegurem uma boa preparação! Mesmo tendo sido campeão não surgiram propostas nenhumas! Sei que tenho enormes condições para ir bem longe mas se não for patrocinado então a minha carreira de culturista terá de ficar por aqui!

Tem algum ou alguns projetos para o futuro que queira partilhar com os leitores?

O meu grande projeto seria potenciar-me ao máximo como atleta de culturismo e alcançar carteira profissional de culturista ( PRO CARD). Mas para já está fora da minha realidade!
Um outro projeto e este sim, bem realista, será partilhado convosco no momento certo.

Tem algumas dicas que possa transmitir às mulheres e homens que queiram melhorar a sua forma física?

Melhorem primeiro o seu “aspeto interior “ pois só assim terão bases sólidas para alcançarem uma forma física e mental excecional, nunca descorando da saúde que é e sempre deverá ser o principal fator a ter em conta.
Aprendam a comer saudavelmente e pratiquem exercício físico regularmente|

Agora se quiserem ver mesmo excelentes e saudáveis melhoras na vossa forma física , a melhor dica que eu vos posso dar é que venham treinar comigo!

Deseja agradecer a alguém ou dizer algo mais?

Entrevista a Valdemar SantosGostaria de agradecer ao site Musculacao.net a oportunidade que me concederam para a entrevista. O meu muito obrigado!

De seguida, gostaria de apelar a patrocinadores. É de minha vontade evoluir bastante na modalidade de culturismo mas como sabem, hoje em dia, sem patrocínios é impossível podermos competir ao mais alto nível.

Patrocinar um atleta com um currículo e com um potencial como o meu é sempre uma mais valia e as contrapartidas estarão de certo garantidas. Para eventuais contatos, deixo-vos depois no final desta entrevista o link de acesso à minha página de atleta ( facebook) . Obrigado!

Durante este período de competição deparei-me com pessoas com um enorme coração e excelentes profissionais, aos quais quero agradecer e por quem tenho uma enorme estima, admiração e Amizade…
Ao meu “grande” amigo e fotógrafo nunobaptista.com obrigado por tudo. És o melhor!
Obrigado grande ao preparador Rui Franco ( “Big Gym”) pela pessoa especial que é e pelo apoio que me tem prestado.

Um grande obrigado ao meu staff, aos meus amigos que diariamente me aturam e que me incentivam! Eles são:
Nuno Grade, Ricardo Alves, Samuel Anastácio, Vera Rodrigues, Vânia Araújo, Cristina Ferrer, Humberto Patrício, Nuno Matos , o meu “mano” Filipe Monteiro , Pedro Sebastião, João Gonçalo( meu parceiro de treino) e Miguel Assunção . Também a todos os meus atletas do ginásio e amigos que se deslocaram às provas para me apoiarem, o meu enorme OBRIGADO.

Um especial agradecimento ao Ginásio Corpoúnico (Torres Vedras) e ao seu gerente e meu amigo Miguel Saragoila.

Palavras especiais para o meu Amigo Nuno Grade por todo o apoio dado na preparação em todas as provas que competi! Sem ti, nada teria sido possível! Grande Obrigado

Para finalizar e não poderia deixar de ser ….. Maria dos Anjos (Mãe) e Vânia Araújo (namorada) …. AMO-VOS !!!

Podem seguir o atleta Valdemar Santos pelo facebook.

Bem hajam, todos os amantes de culturismo que dignificam esta modalidade.

Cumprimentos, Valdemar Santos

Avatar

Siga-nos através das redes sociais.

Deixe uma resposta