As nozes são o fruto seco mais rico em antioxidantes

As nozes são o fruto seco mais rico em antioxidantesUm novo estudo científico coloca as nozes na posição número um entre a família de alimentos embalados mais quase perfeitos da Mãe Natureza: frutos secos de árvores. Num relatório apresentado em Anaheim, Califórnia, no “241 National Meeting & Exposition da American Chemical Society”, a 27 de Março, os cientistas apresentaram uma análise que mostra que as nozes têm uma combinação de antioxidantes mais saudável e um nível mais elevado de antioxidantes do que qualquer outro fruto seco.

Joe Vinson, Ph.D., que fez a análise, afirmou:

As nozes pontuam acima dos amendoins, amêndoas, nozes, pistachios e outros frutos secos. Um punhado de nozes contém quase duas vezes mais antioxidantes do que uma quantidade equivalente de qualquer outro fruto comummente consumido. Mas, infelizmente, as pessoas não comem um monte deles.

Este estudo sugere que os consumidores devem comer mais nozes como parte de uma dieta saudável .

Vinson observou que os frutos secos em geral, possuem uma combinação incomum de benefícios nutricionais – para além dos antioxidantes – estão já embalados numa embalagem conveniente e barata.

As Nozes por exemplo, contêm uma boa quantidade de proteínas de alta qualidade que podem substituir a carne; vitaminas e minerais, fibra alimentar e está isenta de lacticínios e glúten. Anos de pesquisa por cientistas de todo o mundo, associam o consumo regular de pequenas quantidades de nozes ou frutos secos com diminuição do risco de doença cardíaca, certos tipos de cancros, cálculos biliares, diabetes tipo 2 e outros problemas de saúde.

Apesar de todas as pesquisas anteriores, os cientistas até agora não tinham comparado a quantidade e a qualidade dos antioxidantes encontrados nos diferentes tipos de frutos secos. Vinson preencheu a lacuna de conhecimento pela análise de antioxidantes em nove diferentes tipos de frutos secos: nozes, amêndoas, amendoins, pistácios, avelãs, castanhas do pará, castanha de caju, macadámia, e pecans. As nozes obtiveram o nível mais elevado de antioxidantes.

Vinson também constatou que a qualidade ou a potência, dos antioxidantes presentes nas nozes foi a mais elevada entre os frutos secos. Os antioxidantes presentes nas nozes foram 15/02 vezes mais potentes que a vitamina E, conhecida por seu poderoso efeito antioxidante, que protegem o corpo contra os danos químicos naturais envolvidos na causa de diversas doenças.

Vinson, que está a trabalhar com a Universidade de Scranton, na Pensilvânia, afirmou também:

 Existe outra vantagem em escolher as nozes como uma fonte de antioxidantes. O calor utilizado para tostar os frutos secos, geralmente, reduz a qualidade dos antioxidantes. As pessoas costumam comer nozes cruas ou não torradas, e assim obtêm a plena eficácia desses antioxidantes.

Se as nozes são tão saudáveis ​​e nutritivas, porque é que as pessoas não comem mais?

A investigação de Vinson demonstra, por exemplo, que os frutos secos são em média, responsáveis ​​por quase 8 por cento dos antioxidantes presentes na dieta diária das pessoas. Muitas pessoas podem não estar cientes de que as nozes são um alimento assim tão saudável. Outros podem estar preocupados com o ganho de peso que pode advir de um alimento tão rico em gordura e calorias. Quanto às calorias, comer nozes parece não causar ganho de peso e até faz as pessoas sentirem-se mais saciadas e menos propensas a comer demais.

Num estudo realizado em 2009 nos EUA, o consumo de nozes foi associado a um risco significativamente menor de ganho de peso e obesidade. Ainda assim, os consumidores devem ter um consumo moderado. Vinson afirmou que são necessárias apenas cerca de 7 nozes por dia, por exemplo, para se obter os potenciais benefícios para a saúde constatados em estudos anteriores.

Referência!

Avatar

Siga-nos através das redes sociais.

Deixe uma resposta