Dica rápida #8 Sinefrina para queimar mais gordura durante o exercício.

sinefrinaQuando fazemos exercício o nosso corpo oxida gordura e carboidratos, dependendo da intensidade da intensidade e duração do mesmo.

Por ter uma estrutura química bastante similar à efedrina, a sinefrina tornou-se um suplemento popular nos últimos anos, estando incluída em vários suplementos para perda de peso.

O investigador Del Coso afirmou:

A vantagem da sinefrina é a menor activação dos receptores  β1 y β2 e, por isso, tem pouca influencia no aumento do ritmo cardíaco e da tensão arterial, o que significa que a substância tem menos efeitos secundários do que outros estimuladores adrenalínicos.

Ora um novo estudo descobriu que a sinefrina, um alcalóide que se encontra em pequenas concentrações nos citrinos, pode ajudar a queimar mais gordura durante o exercício.

Os investigadores recrutaram 18 voluntários que numa ocasião ingeriram 3 mg de sinefrina por kg de peso corporal e em outra ingeriram um placebo, o que serviu como controlo.

Uma hora após os voluntários terem ingerido a substância, os investigadores mediram o gasto energético antes e após a atividade física, que neste caso foi realizado numa bicicleta estática.

Verificou-se que a suplementação com sinefrina não afetou a tensão arterial, o ritmo cardíaco nem o dispêndio energético.

Apesar disso, constatou-se que a sinefrina ingerida antes do exercício, aumenta o rácio de oxidação de gordura e reduziu a oxidação de carboidratos quando o exercício é realizado a uma intensidade baixa-moderada.

Ou seja, a sinefrina parece ser um suplemento eficiente, pois aumentou a capacidade máxima dos indivíduos queimarem gordura, mesmo sem alterar a intensidade a que se realizava o exercício.

Os investigadores sugerem que a suplementação com sinefrina poderá ser útil para aumentar a oxidação de gordura em 7 gramas por hora de exercício.

Também afirmaram que o rácio máximo de oxidação de gordura durante o exercício, neste caso em ciclistas, é de 0,7 g/min. Isso sugere que, no melhor dos cenários, um indivíduo poderia queimar 42 g de gordura após uma hora de exercício a esse nível de intensidade.

Referência!