Mantenha a sua massa magra durante as dietas, aumentando a ingestão de proteína!

Mantenha  a sua massa magra durante as dietas, aumentando a ingestão de proteína!Já estava comprovado, que as dietas ricas em proteína, eram úteis para pessoas obesas. Essas pessoas não só perdem mais peso, em dietas ricas em proteína, como também retêm uma maior quantidade de massa muscular. Agora existe também um estudo que comprova os mesmos benefícios nos atletas de musculação.

Num estudo que será em breve exibido no “Jornal Medicine & Science in Sports& Exercise”, cientistas ingleses da Universidade de Birmingham, chegaram à conclusão que uma ingestão alta em proteína, ajuda a proteger a massa magra em atletas de musculação que ingeriam apenas 60% das calorias de manutenção.

Os cientistas colocaram 20 culturistas, entre os 18 e 40 anos, numa dieta estrita de 2 semanas, nas quais ingeriram diariamente, 40% menos calorias do que as calorias de manutenção. Antes de iniciarem a dieta, os atletas ingeriam de 15% de proteína na alimentação, ou seja, cerca de 1,6g por quilo de peso corporal.

Um dos grupos simplesmente reduziu 40% do que ingeriam, e como resultado, a ingestão de proteína baixou para menos de 1g de kg de peso corporal, por dia. Em outro grupo, não só se ingeriu uma menor quantidade de alimentos, como também se substituiu, gordura e os carboidratos, por uma maior quantidade de proteína.

A dieta consistiu em cerca de 35% de proteína, ou seja aumentou-se a ingestão diária de proteína para cerca 2,3g por quilo de peso corporal, essa ingestão extra de proteína, foi ingerida em forma líquida.

O estudo mostra que o aumento da quantidade de proteína na dieta, bloqueou quase completamente a perda de massa magra. O grupo inserido na dieta de proteína, apenas perdeu massa adiposa, não sofreu alterações na sua 1RM (repetição mágica, e não sofreram quebras de rendimento na realização dos exercícios de musculação! O que será sem duvida alguma, uma dieta com resultados excelentes!

Os investigadores, opinam que os aminoácidos da proteína, possuem um efeito anabólico muscular, e que por esse motivo ajudariam a manter a massa muscular em dietas com quantidades elevadas de proteína.

A dieta com proteína elevada, também promove a manutenção das hormonas anabólicas. No grupo com a dieta baixa em proteína, os níveis de testosterona em forma livre, caíram em cerca de 26%, e no grupo com a dieta alta em proteína, a testosterona diminui apenas em cerca de 7%.

Em resumo, os investigadores concluíram que:

A implicação prática destes resultados, é que o teor de proteína de uma dieta hipocalórica, pode desempenhar uma papel crucial. Os atletas que visam a redução do peso corporal, mantendo a massa magra, podem ser aconselhados a manter alta a ingestão de proteína.

Referência!

 

Escreva um comentário