A beta-alanina ajuda a perder gordura e a ganhar musculo

A beta-alanina ajuda a perder gordura e a ganhar musculoPerder gordura e ganhar massa muscular ao mesmo tempo, é um feito extremamente difícil! Se olharmos para os estudos que mostram que isso é possível, passaremos rapidamente para o território das substâncias proibidas.

Mas, felizmente, existem excepções, sendo um deles um estudo realizado por cientistas de desporto da “Adams State College” nos Estados Unidos, no qual os voluntários receberam diariamente 4 g de beta-alanina.

Os investigadores realizaram uma experiência com 22 wrestlers experientes, com a idade média de 19 anos, durante um período de oito semanas. Durante este período, os wrestlers realizaram treinos intervalados, treinos de musculação e treinos de sprint. Doze dos wrestlers receberam um placebo, e 10 receberam um suplemento contendo beta-alanina.

O produto que os investigadores usaram foi o IntraXcell, produzido pela Athletic Edge Nutrition. Pode ver composição exacta mais abaixo. O IntraXcell não contém só beta-alanina, mas também vitamina E, ácido alfa-lipóico e N-acetil-L-cisteína.

A ideia por trás IntraXcell é que durante o esforço intensivo beta-alanina pode ajudar as células musculares a manter seu nível de acidez constante durante mais tempo, permitindo assim que os atletas treinem com mais intensidade. Mas isto é apenas uma das teorias. As outras substâncias são antioxidantes que devem ajudar as células musculares a livrarem-se das perigosas moléculas que são liberadas durante o exercício, potenciando assim o efeito do beta-alanina.

Os investigadores testaram o desenvolvimento da força muscular dos voluntários, colocando-os a executar uma série de exercícios, incluindo o “90 degrees fixed-arm hang”. Os wrestleres tinham que se pendurar numa barra com os cotovelos dobrados num ângulo de 90 graus durante o máximo de tempo possível.

A primeira figura abaixo mostra que os wrestlers do grupo placebo foram capazes de se pendurar durante mais 5,4 segundos no final das oito semanas do que no início da experiência. Os wrestlers do grupo beta-alanina conseguiram pendurar-se durante mais 6,5 segundos. A diferença não foi estatisticamente significativa.

Tabela 1

Tabela 2

Mais abaixo, pode ver os resultados de outro teste que os investigadores realizaram. Antes e após as oito semanas, os indivíduos tinham de fazer sprint por uma distância de 25 metros, 12 vezes. Correram em direcção a um poste a 25 metros de distância, tocaram nele e correram de volta, e repetiu isso seis vezes.

Ao final das 8 semanas, os wrestlers do grupo placebo conseguiram bater os seus recordes por 1,4 segundos, os wrestlers do grupo da beta-alanina reduziram o seu tempo por 1,5 segundos. Mais uma vez, os efeitos não foram estatisticamente diferentes.

Os wrestlers perderam peso, e foram os wrestlers do grupo placebo que perderam peso: 3,2 kg, para sermos exactos, dos quais um quilograma era de massa corporal magra.

Tabela 3

Tabela 4

No entanto, no grupo da beta-alanina, aconteceu algo interessante. Eles ganharam um kg de massa magra e perderam 1,5 kg de gordura. Mais uma vez, os efeitos da beta-alanina não foram estatisticamente significativos.

Os investigadores escreveram:

“Dada a duração do estudo (oito semanas), as melhorias do mesmo grupo placebo seriam satisfatórias para o treinador e atleta, mas as várias melhorias obtidas pelo grupo suplementado, são ainda mais animadoras. Embora não sejam estatisticamente significativas, estas melhorias da massa magra são significativas do ponto de vista prático.”

A Athletic Edge Nutrition providenciou os suplementos que os investigadores usaram na sua experiência, mas não foi a empresa que financiou o estudo.

Referência!

 
4 Comentários

Escreva um comentário